SEQTRA Engenharia Logística e Negócios Sustentáveis
Exibindo os artigos Taggeados com "Tubarão | SEQTRA Engenharia Logística & Negócios Sustentáveis"

ArcelorMittal reafirma seu compromisso com a sustentabilidade

20 setembro 2011   //   Por SEQTRA   //   Notícias  //  Sem Comentários

Única produtora de aço a conquistar o Prêmio Época Empresa Verde com projetos socioambientais sustentáveis.

A ArcelorMittal reitera sua liderança de compromisso com a gestão ambiental em suas atividades com a conquista do Premio Época Empresa Verde – classificada entre as 20 Melhores em Prática Ambiental. No total de 200 companhias inscritas, a ArcelorMittal Brasil foi a única produtora de aço a receber o prêmio.

O grupo, que reúne a ArcelorMittal Tubarão, a ArcelorMittal Aços Longos e a ArcelorMittal Vega, investe em diversas iniciativas de melhoria contínua de processos, visando à redução ou eliminação dos impactos ambientais. Dentre os resultados já alcançados, as empresas são consideradas benchmark no setor siderúrgico pela gestão de resíduos industriais, que tem como pilares a reutilização ou a reciclagem máxima, com o mínimo descarte.

Localizada em Serra (ES), a ArcelorMittal Tubarão foi pioneira na comercialização de coprodutos, como a Acerita e o Revsol, que já se tornaram matérias-primas com valor comercial e social. Além disso, a unidade possui um programa pioneiro de reuso da água: uma estação de tratamento permite que a empresa reutilize em sua operação efluentes de esgoto, água da chuva e de alguns setores industriais.

Outra prática reconhecida na premiação foi o Programa de Recuperação Ambiental da Bacia Hidrográfica do Rio Taquaraçu. Uma área de 1.275m² cedida pela usina de Sabará da ArcelorMittal Aços Longos, em Taquaraçu de Minas (MG), abrigará um centro de apoio e um viveiro de 588,6m² para o plantio de quase 24 mil mudas de árvores de espécies do cerrado e da mata atlântica, a serem destinadas, no período de 2012 a 2015, à recuperação de matas ciliares, nascentes e áreas degradadas.

A ação integra o projeto de compensação, redução e mitigação das emissões de gases de efeito estufa da Seqtra Engenharia Logística, que transporta anualmente em torno de 9 mil toneladas de produtos da usina. O programa no qual a ArcelorMittal Aços Longos é parceira teve origem no Subcomitê do Rio Taquaraçu, do Comitê do Rio das Velhas, do Projeto Manuelzão, da Agência Peixe Vivo e da UFMG. Além das mudas, a iniciativa prevê o cercamento de 33 mil metros ao longo das margens de cursos d’água e a revegetação de nascentes de 114,4 hectares com mata ciliar.

Eficiência Energética- Desde 2004, a ArcelorMittal Brasil também trabalha em projetos de melhoria em eficiência energética e diminuição de suas emissões, com soma de reduções de emissões certificadas estimadas em torno de 10 milhões de toneladas de CO2 equivalente para os próximos 10 anos. A ArcelorMittal Tubarão, por exemplo, é autossuficiente em energia e todo excedente gerado internamente é comercializado no mercado nacional. A geração da energia é realizada em quatro termelétricas e outros sistemas de reaproveitamento de gases, como turbinas de topo, e a capacidade total chega a 500 MW, o equivalente ao consumo de 1,4 milhão de residências. Esse modelo energético sustentável proporciona redução de custos e menor impacto ambiental.

Fonte: Revista Fator – http://www.revistafator.com.br/ver_noticia.php?not=173688

A logística da ArcelorMittal Tubarão – Alexandre Rosado Barbosa

22 julho 2011   //   Por SEQTRA   //   Notícias  //  Sem Comentários

A logística da ArcelorMittal Tubarão – Alexandre Rosado Barbosa

Siderurgia Brasil — Edição 74

Em entrevista à revista Siderurgia Brasil, o gerente de logística de produtos da ArcelorMittal Tubarão, Alexandre Rosado Barbosa, explica a importância da logística para o bom desempenho e as ações da empresa nessa área.

Siderurgia Brasil – Qual é o papel da logística de movimentação de materiais no desempenho geral da ArcelorMittal Tubarão?
Alexandre Rosado Barbosa –
A logística tem um papel importante na diferenciação do serviço. O que no passado significava a entrega dos produtos aos clientes no prazo, hoje significa agregar valor através de um atendimento diferenciado, seja na qualidade, no custo competitivo, no transporte com segurança e no prazo acordado, sem deixar de considerar a gestão de ativos e de imobilizado. Para isso, é fundamental a atuação da logística alinhada com as necessidades dos clientes de forma a buscar continuamente soluções inovadoras.

SB – Quais têm sido os desafios enfrentados pela ArcelorMittal Tubarão nessa área?
Barbosa –
O principal desafio é o de buscar alternativas de distribuição logística para o mercado nacional, já que as condições restritivas na infraestrutura disponível no país, em todos os modais de transporte, exigem soluções muitas vezes customizadas por região.

SB – Quais são os projetos e investimentos realizados pela ArcelorMittal Tubarão em infraestrutura e processos de logística de movimentação de materiais nos últimos anos?
Barbosa –
Em função da localização estratégica privilegiada perto do mar, nos últimos anos a ArcelorMittal Tubarão tem focado no desenvolvimento do transporte marítimo por cabotagem. Foi implementado, em conjunto com empresas parceiras, o sistema de abastecimento de produtos para a ArcelorMittal Vega – um departamento de Tubarão localizada em São Francisco do Sul (SC) –, via barcaças oceânicas, onde se investiu na construção de um terminal marítimo dedicado a suportar esta distribuição e garantir atracação das embarcações no Sul. Este fluxo de transporte por cabotagem também é utilizado para realizar o atendimento aos clientes da região Sul do país.

SB – A empresa pretende implementar novos projetos nessa área no curto e médio prazos?
Barbosa –
A estratégia de logística da ArcelorMittal Tubarão é ampliar a utilização do modal cabotagem e para isso é necessário estudar, tanto a capacidade de transporte, como a capacidade dos terminais. E para melhor atender clientes mais distantes, também estamos ampliando o nosso centro de distribuição em Caxias do Sul (RS).
www.arcelormittal.com.br